para acompanhar os novos posts vá ao (novo) Bate Estacas na Blogger aqui

Domingo, 6 de Junho de 2010

onde eram os viveiros municipais de Olhão

Olhão, 6 de Junho de 2010

A Câmara de Olhão arrepiou caminho e mostra bom senso ao desistir de implantar um tapume vegetal a servir de barreira sonora neste novo ajardinamento.

A vingar a ideia de tão evidente estapafúrdice, jamais poderíamos vir a ter estas imagens.

 

publicado por Raul Coelho às 10:57
link | favorito
De adélia espírito santo a 11 de Junho de 2010 às 09:16

Por mim acho que tudo o que for jardim ou espaço verde merece aplauso. Lembro-me sempre de ver flores em OLhão e até gostaria de ver mais, sobretudo nos prédios medonhos da entrada de Olhão. Eu até contribuiria com umas floreiras para que as casas se mostrassem floridas como em Espanha. Paredes com vasos, floreiras com cactos e gerÂnios ... dá gosto olhar.
Não sejam má-línguas e deixem Olhão continuar a ter flores e cores como sempre teve.


jl



Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



para acompanhar os novos posts vá ao (novo) Bate Estacas na Blogger aqui

.os autores

.os últimos 10 artigos

. ...

. cidadania - activismo

. ...

. o que podemos esperar est...

. as variantes da 125 em Ol...

. Porta Sim Porta Não

. Ganhos destes e maiores e...

. distribuição da ajuda ali...

. mudei de casa

. água, o que fazemos dela

.a memória do blog

.por temas

. "200 anos"(10)

. "a semana"(3)

. "pinóquio"(27)

. (novo) bate estacas(7)

. ad hoc(30)

. ambiente(3)

. autárquicas2009(11)

. biblioteca(4)

. blog antigo(1)

. cidadania(9)

. história(4)

. museu(4)

. olhao(14)

. património(12)

. requalificação(12)

. ria formosa(3)

. transparência(17)

. urbanismo património(7)

. todas as tags

.pesquisar