para acompanhar os novos posts vá ao (novo) Bate Estacas na Blogger aqui

Sábado, 19 de Dezembro de 2009

Orçamento rectificativo ou branqueador

Olhão, 19 de Dezembro de 2009

 

É no próximo dia 22 que se vai reunir a Assembleia Municipal para uma segunda tentativa para aprovação do Orçamento rectificativo de 2009.
É já a segunda tentativa do segundo rectificativo do último ano do mandato desta trapalhona e biscateira Câmara.
Os contabilistas camarários não conseguem acertar com a colunas do deve e haver e por cada instrução de lançamento que o presidente Leal dá, maior é o buraco que logo aparece.
O mal reside logo no Orçamento que é feito com a maré do dia do edil-mor  e executado ao sabor das ondas que lhe vão passando pela cabeça.
Não é elaborado de acordo com um projecto honesto, de futuro, de desenvolvimento sustentado, mas como um depósito de verbas em rubricas que conforme os apertos e os estados da disposição do momento vão saltando de um lugar par outro. Mas também serve para branquear muita despesa sem cabimento fugida do deve do partido socialista. É uma trapalhada.
E feito por biscateiros, se fossem profissionais que cumprissem com os códigos de conduta não alinhavam na batotice geral instalada.
Mas no concelho também aparecem propostas de sentido contrário.
Sérgio Miguel, deputado pelo BE na Assembleia de Freguesia de Quelfes apresentoulink  uma
proposta para elaboração de um Orçamento participativo, onde os fregueses quelvenses possam dar o seu contributo na sua elaboração.
Independentemente do resultado da decisão da Assembleia é já um sinal que uma nova visão de administração da coisa pública começa a surgir em Olhão mesmo que timidamente.
O destino honesto das contas camarárias só pode ser o de uma auditoria completa, o resto é branqueamento de uma chafurdice em que os mais simples suportes das despesas são ocultadoslink  á consulta pública.
Quais foram os candidatos que nas últimas eleições falaram em auditoria? Quem se lembra?

 

por temas:
publicado por Raul Coelho às 09:02
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Anonimo a 19 de Dezembro de 2009 às 15:55
Peçam ao tesoureiro da Fesnima , Senhor Sebastião Coelho da C.D.U que ele mostra as contas,hahahah.


De ai nanas a 19 de Dezembro de 2009 às 15:58

Então este é igual ao LEAL,se não tem transparência
deve-se orientar tambêm,devia ter mas é vergonha.


Comentar artigo

google-site-verification: google607e9867b28dd3d1.html


Raul Coelho

o meu canal de vídeo

para acompanhar os novos posts vá ao (novo) Bate Estacas na Blogger aqui

.os autores

.os últimos 10 artigos

. ...

. cidadania - activismo

. ...

. o que podemos esperar est...

. as variantes da 125 em Ol...

. Porta Sim Porta Não

. Ganhos destes e maiores e...

. distribuição da ajuda ali...

. mudei de casa

. água, o que fazemos dela

.a memória do blog

.por temas

. "200 anos"(10)

. "a semana"(3)

. "pinóquio"(27)

. (novo) bate estacas(7)

. ad hoc(30)

. ambiente(3)

. autárquicas2009(11)

. biblioteca(4)

. blog antigo(1)

. cidadania(9)

. história(4)

. museu(4)

. olhao(14)

. património(12)

. requalificação(12)

. ria formosa(3)

. transparência(17)

. urbanismo património(7)

. todas as tags





Fórum olhão ponto org

 

 

 

 

.pesquisar